Sem inspiração (to marii)



Mesmo que o ardor
Angustiante da ausência
Me venha quase por inteiro corroer
E pouco a pouco
Cuidadosamente possua
Parte por parte de mim
A espera será a única solução


Poderia eu qualquer hora dessas
Lançar-me do 13° andar,
Ou ainda tropeçar em muletas qualquer
Em uma avenida
Pensei que
Gritaria e agiria
De forma a chamar-te a atenção
Tolo que sou!


Nem sei ao menos
O que dizer-te quando chegar
Nem sei por que profiro
Teu nome em tons roxos
Nada sei sobre ti
Nem sei o que quero agora
Por que te teria de volta?


Caprichos de poeta
Em busca do mais ínfimo sentimento
Para compôr em seu primeiro dia sem inspiração.

By:O.S.Q.Júnior.

1 Response to "Sem inspiração (to marii)"

Marília disse...

OH NOssa !!! Tô Bege . . . Tô PInk . . . tô Rosa !!! hsuhshsushsuhsushu =)

MUiitO boOa COmo todas as outras né meu amor???

VOcê me fez sentir comixões no canto dos OLhos com essa POesia meu anjo ! TE AMoO a cada HOra mais e mais ...

O teu Encanto me INcita a CRiar ,, REnovar , OUsar e compor
Mais sei que nada seria possível se em mim não ardesse o teu AMor !!
MUiito Obriigada meu ANjo ! Só mais Uma pra tua Companhia de BOlso =) E muiito Boa !
Te AmoOOOOOOOOoooooooOOOO ...
by:MariSouza =)

Postar um comentário

powered by Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme